Dicas para passar na ANCORD de primeira

Leia o artigo para entender a estrutura da prova da ANCORD, os assuntos mais pesados e as questões mais cobradas. Vamos desvendar os segredos da prova mais procurada do mercado financeiro.

Escrito por

Compartilhe:

A prova da ANCORD é pré-requisito para você que quer se tornar assessor de investimento, a profissão mais demandada do mercado financeiro.  Portanto, se você está interessado em seguir essa carreira e passar na prova na primeira tentativa, neste artigo nós vamos destrinchar: 

  • a estrutura da prova da ANCORD e os assuntos mais cobrados; 
  • como as questões são construídas; 
  • cuidados com as “pegadinhas” e com o tempo de prova.

Você sabe como é estruturada a prova da ANCORD?

Se você chegou até aqui, já sabe que para ser um assessor de investimento precisa ser aprovado na prova oferecida pela ANCORD (Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários, Câmbio e Mercadorias).  

A prova não é nenhum absurdo e podemos classificá-la como de nível médio. Entretanto, o problema é o seu elevado número de questões (80) para um tempo considerado curto (2h30). Assim, conhecer a sua estrutura ajuda muito na redução da ansiedade e na economia de tempo. 

Estudantes em preparação para passar de primeira na prova da ANCORD

Ao todo são cobrados 14 assuntos. Para conseguir a aprovação, o candidato precisa de um acerto geral de 70%, ou 56 questões. Mas, essa não é a única exigência. Além da exigência de 70% de acerto, há quatro módulos em que é necessário o acerto mínimo de 50% das questões. Portanto, se você não conseguir esse acerto mínimo, nem adianta acertar todo o restante das questões da prova. Você estará retido. Por isso, todo cuidado é pouco com os quatro módulos obrigatórios.

Tabela de conteúdos da prova da ANCORD

Vejamos na sequência cada um dos módulos cobrados na prova da ANCORD. 

A Atividade do Assessor de Investimento

Na Atividade do Agente Autônomo (que a partir de junho de 2023 passa a se chamar “Atividade do Assessor de Investimento”), não há muitos problemas, já que é o primeiro módulo que todos começam a estudar e retrata as regras do jogo da assessoria. Das 12 questões, temos aqui uma boa oportunidade para engrossar o número de acertos para o placar geral. Porém, não esqueça de que você precisa de pelo menos 6 acertos. 

📰 Saiba mais:

Como um assessor de investimento ganha dinheiro?

Lavagem de Dinheiro

Já o segundo módulo, “Lei 9.613/98 e Lavagem de Dinheiro” é o mais perigoso. Também com acerto mínimo obrigatório. Entretanto, ele tem apenas 4 questões são exigidas e com muito assunto a ser estudado. Portanto, você precisa de pelo menos dois acertos, ou tudo vai por água abaixo. Por isso, nós aconselhamos que você triplique a carga de estudos para lavagem de dinheiro e não compre esse risco. Além disso, decore os prazos para registro das operações e fique íntimo do COAF. 

📰 Saiba mais:

O que é e o que faz o COAF?

Pessoas politicamente expostas

O que a série Ozark pode nos ensinar sobre a lavagem de dinheiro?

Economia

O próximo módulo é de Economia, sem acerto mínimo. Porém, o programa da ANCORD é vago, cobrando “Noções Gerais”, “Índices e Indicadores” e “Política Monetária, Fiscal, Cambial e de Rendas”. O problema é que “Noções Gerais” é, realmente, muito “geral”. Por isso, para apenas duas questões, foque em política monetária, taxas de juros e índices de preços. A recompensa é pequena para um conteúdo tão denso.  

Sistema Financeiro Nacional

Em seguida, temos o módulo de Sistema Financeiro Nacional. Portanto, fique ligado com a composição do Conselho Monetário Nacional e as atribuições do Banco Central do Brasil e CVM. Precisamos somar pontos com suas 3 questões; então, não deixe de ler sobre os outros conselhos, Susep e Previc. Não há acerto mínimo.

Instituições e Intermediadores Financeiros

A seguir vamos com Instituições e Intermediadores Financeiros, com 3 questões e sem acerto mínimo. No entanto, cuidado com as carteiras de bancos múltiplos e as atribuições de corretoras e distribuidoras. Portanto, leia com atenção as funções e atribuições das outras instituições, apesar de serem menos cobradas.  

Administração de Risco

O tópico Administração de Risco cobra 4 questões, também sem acerto mínimo. No entanto, os cálculos costumam ser um pouco puxados quando aparecem, e já vimos a ANCORD cobrar, inclusive, desvio padrão e retorno de carteiras. Entretanto, no geral, precisamos dominar os tipos de risco, circuit breaker, o conceito de VaR, de diversificação e, principalmente, as propriedades da Duration e Convexidade (assunto chato e complexo).  

Mercados de Capitais

Em seguida, temos outro módulo com acerto mínimo de 50%: Mercado de Capitais: Produtos, Modalidades Operacionais e Liquidação. São 20 questões, com acerto mínimo de 10. Portanto, trata-se do assunto mais cobrado da prova, porque é aquele que o assessor mais se envolve.

É indispensável que você conheça alguns tópicos bem demandados na prova da ANCORD:

📰 Saiba mais:

O que é Oferta Pública Inicial (IPO) e como ele funciona?

Oferta Pública de Aquisição: Quando uma empresa sai da bolsa.

Aqui, não tem jeito: o volume é decisivo. São muitos assuntos, mas, uma vez cercando os principais que acabamos de falar, podemos aumentar sensivelmente o número de acertos globais e já ir encaminhando a aprovação. 

Fundos de Investimento e Outros Fundos

Na sequência, temos o módulo de Fundos de Investimento e depois Outros Fundos de Investimento. Com cada um cobrando duas questões, você precisa conhecer, principalmente:

  • os fundos de renda fixa, ações, cambiais e multimercado (além de todo o seu mecanismo de tributação);
  • os fundos imobiliários (com sua mecânica de tributação);
  • os aspectos essenciais dos FIDCs e FIPs. Não há acerto mínimo. 

Neste módulo não há acerto mínimo.

Securitização

Seguindo, temos o tópico de Securitização de Recebíveis, com apenas uma questão. Geralmente é perguntado sobre o conceito de securitização e os seus produtos, como CRIs ou CRAs. 

Clubes de Investimento

Em Clubes de Investimento, temos outra oportunidade de ouro para aumentar o número de acertos gerais. Para essas duas questões (sem acerto mínimo), a ANCORD quase sempre cobra o número de integrantes de um clube, aspectos sobre a sua gestão, tributação e formação da carteira. 

Novamente, não há acerto mínimo. 

Matemática Financeira

Para Matemática Financeira – Conceitos Básicos, temos outras 4 questões. Entretanto, você não precisa se desesperar, porque não gosta ou não entende do assunto. Você conseguirá a aprovação, mesmo que não acerte qualquer questão de Matemática Financeira. Aqui a ANCORD passou a cobrar questões de juros simples nas últimas provas, mas o normal é que sejam cobradas questões de VPL, TIR, cálculos de taxa equivalente e de juros compostos, sem tanta complexidade.  

Em Mercado Financeiro – Outros

Em Mercado Financeiro – Outros (sem acerto mínimo), temos 7 questões quase que totalmente voltadas à renda fixa. Já vimos algumas questões que misturam cálculos de DI com taxa equivalente, mas o grosso dessa parte cobra títulos públicos, em perguntas sobre seus leilões, características dos títulos, além de tributação e cálculos de cotação ou PU. Parece que a ANCORD, inclusive, tem uma atração especial sobre as LFTs e o seu ágio e deságio. 

📰 Saiba mais:

Conheça os leilões de Títulos Públicos

Mercados Derivativos: Produtos, Modalidades Operacionais e Liquidação

Finalmente, em Mercados Derivativos: Produtos, Modalidades Operacionais e Liquidação, temos as últimas 12 questões da prova, com acerto mínimo de 6 questões. Portanto, o conceito de derivativos e o seu uso são muito cobrados; são várias questões sobre o que fazer em determinadas situações, como para exportadores e importadores. Além disso, não é incomum cair operações com opções e situações com ajustes diários de contratos futuros.

Porém, não se esqueça de que a prova é formulada usando exatamente essa sequência. Pois, se atentando aos assuntos que acabamos de priorizar, as chances de aprovação aumentam muito. 

Como as questões são construídas?

No geral, as questões da prova da ANCORD apresentam o conceito clássico de um enunciado e quatro alternativas. Geralmente, esse enunciado não ultrapassa duas linhas, com cada alternativa, tendo em média, uma ou duas linhas. 

Exemplo 1:  

João pede ao seu assessor maiores informações sobre um determinado produto ofertado pela sua corretora, para realizar um aporte. Dessa forma, o assessor deve:  

a) Proporcionar a João todas as informações possíveis, dado que essa é uma das atividades que o assessor de investimento pode exercer.

b) Requisitar pedido de informação sobre essa aplicação ao analista do seu contratante, dado que essa atividade lhe é vedada.

c) Pedir a João que contacte o administrador de carteira da instituição financeira contratante, para que o cliente possa se informar melhor.

d) Informar a João de que essa função é do consultor da sua empresa contratante, e não dele, assessor. 

Essa é a estrutura usada em 80% das questões.

Exemplo 2:

Questões de lacunas são mais raras, mas, às vezes, aparecem: 

É possível afirmar que, para que uma cooperativa de crédito possa funcionar e atuar como distribuidora de cotas de fundos de investimento, é necessário que sejam feitas solicitações nesse sentido. Para funcionar, a solicitação deve ser submetida à aprovação da(o) __________________ e, para exercer aquela atividade, ter sida cadastrada no(a) __________________. 

a) Banco Central – CVM.

b) ANCORD – Banco Central.

c) CVM – Banco Central.

d) CVM – ANCORD.

Exemplo 3:

Em pouco menos do que 10% das questões, nós observamos a estrutura de três asserções, quando o nível de dificuldade aumenta: 

Observe as afirmações abaixo: 

I – Os Bancos Múltiplos devem ser constituídos com, no mínimo, duas carteiras, sendo umas delas, obrigatoriamente, comercial ou de desenvolvimento. 

II – Os Bancos de Investimentos podem captar recursos via venda de cotas de fundos de investimentos e financiar a aquisição de títulos e valores mobiliários. 

III – Os Bancos Comerciais podem captar recursos via depósitos a prazo e financiar as empresas prestadoras de serviços. 

É possível afirmar, então, que: 

a) II e III são falsas.

b) I e III são falsas.

c) I e II são verdadeiras.

d) II e III são verdadeiras.

“Pegadinhas” e cuidados com o tempo de prova

Com 80 questões a serem respondidas em 150 minutos, você terá menos do que dois minutos para responder cada questão. Então, o aproveitamento do tempo conta muito. 

O sistema da prova (nos centros de testes e na prova em casa) permite que o candidato insira lembretes nas questões. Desse modo, ao bater o olho e perceber que não consegue responder de “bate-pronto”, insira o lembrete e siga para a próxima questão. Responda primeiro o que tem absoluta certeza e ganhe tempo.

O mesmo se aplica às questões com cálculos. Em geral, somando a parte de Administração de Riscos, Matemática Financeira e Renda Fixa, você pode ter que responder algo entre 4 e 8 questões de cálculo. Dificilmente os cálculos são extensos e você não deve se impressionar com os títulos públicos. A resolução para esse tipo de questão é mais óbvia do que parece. 

A ANCORD não é uma banca que apronta com “pegadinhas”, como a ANBIMA costuma fazer. Geralmente, é preto no branco: quatro alternativas com duas absurdas e uma leve dúvida entre as restantes. 

Simulado presencial da prova da ANCORD

A MELVER oferece o curso preparatório para ANCORD que mais aprova no Brasil.

Dá para passar de primeira?

Com a mais absoluta certeza, dá sim! 

O que muitos candidatos a assessores não entendem é que, antes de qualquer resolução de exercícios ou simulados, é necessário dominar o conceito básico do assunto. Por exemplo, se estou estudando a respeito de fundos estruturados, preciso ser capaz de explicar, a qualquer pessoa e com tranquilidade, os conceitos básicos de fundos estruturados. 

Portanto, se você não consegue explicar a ideia básica, não deve seguir em frente. Pare, construa linhas estruturais do assunto, pesquise e depois refaça o raciocínio.

Entendido, responda os exercícios e fixe o conteúdo. Temos mais de 1.000 questões disponíveis com os mais diversos graus de complexidade, para que você possa evoluir e ter segurança para prova. 

Após fazer isso com todos os assuntos, siga para os simulados. Na MELVER, oferecemos 4 simulados, todos com a temperatura ideal da prova. No final, mapeie os erros e triplique a carga de estudos nos assuntos de menor aproveitamento. 

Agora que você conhece as dicas e já sabe que será aprovado, aprenda a efetuar seu credenciamento na ANCORD.

📰 Leia mais:

Ficou interessado? Quer mais informações sobre a prova ou já foi aprovado na prova da ANCORD? Procure o suporte da MELVER e conheça o curso que mais aprova na ANCORD, além do RH que mais pluga assessores aos melhores escritórios do Brasil.

Veja mais

Neste artigo, mostramos um passo a passo para você acessar o site do Bacen e consultar as taxas de juros praticadas pelas instituições financeiras em seus mais diversos segmentos, do rotativo do cartão de crédito até o financiamento imobiliário.
Aprenda a contornar objeções em assessoria financeira. Descubra estratégias eficientes para lidar com clientes, prospects e leads. Alcance a alta performance com o MELVER Pro.
Aprenda a fazer prospecção ativa na assessoria financeira. Encontre leads qualificados e conduza-os pela jornada de vendas. Conheça as melhores estratégias com o MELVER Pro.