Investimentos alternativos: conheça as vantagens e os riscos

Os investimentos alternativos vêm atraindo cada vez mais investidores interessados na diversificação das carteiras. Leia o artigo e entenda melhor suas características, vantagens e riscos.

Escrito por

Compartilhe:

O universo dos investimentos vem atraindo a atenção de cada vez mais pessoas em busca de oportunidades e ascensão econômica. Seja para construir um patrimônio sólido, garantir uma aposentadoria confortável ou realizar os mais diversos sonhos, investir desempenha um papel fundamental na conquista desses objetivos.

Antes de mergulhar de cabeça nas aplicações, no entanto, é importante entender que existe uma vastidão de opções disponíveis. Os chamados investimentos alternativos fazem parte delas e, nos últimos anos, têm ganhado destaque. Isso se deve à sua capacidade de aumentar a diversificação da carteira, trazer retornos potencialmente mais altos e proteger os recursos da volatilidade do mercado.

Leia este artigo e entenda:

  • o que são investimentos alternativos;
  • principais diferenças entre os investimentos tradicionais e os alternativos;
  • tipos de investimentos alternativos;
  • vantagens dos investimentos alternativos;
  • riscos envolvidos.

O que são investimentos alternativos

Investimentos alternativos são uma categoria de investimentos que difere dos investimentos tradicionais como ações, títulos e imóveis. Eles representam uma classe de ativos financeiros menos convencionais, que têm características distintas e demandam diferentes estratégias de aplicação.

📰 Leia também:

O que é renda fixa? Confira este guia!

Essa categoria pode abranger uma ampla gama de ativos, incluindo commodities, criptomoedas, empréstimos privados, participações em empresas emergentes e muito mais. As opções variam bastante e as escolhas de como aplicar devem ser guiadas de acordo com as necessidades e os objetivos de cada investidor.

Principais diferenças entre investimentos tradicionais e alternativos

Os investimentos alternativos se diferem dos tradicionais em diversas questões. Entenda as principais:

Classe de ativos

Os investimentos tradicionais normalmente estão associados a classes de ativos convencionais, como ações, títulos e imóveis. Por outro lado, os investimentos alternativos englobam uma gama muito mais ampla de possibilidades, como veremos ao longo do texto.

Investimentos alternativos: classes de ativos

Liquidez

Os investimentos tradicionais, em geral, são altamente líquidos — o que significa que podem ser comprados e vendidos facilmente no mercado aberto. Os alternativos, por sua vez, tendem a apresentar menor liquidez. Alguns deles têm períodos de investimento mais longos e podem apresentar restrições para resgates antecipados.

Isso quer dizer que, em geral, é mais difícil convertê-los em dinheiro rapidamente, caso seja necessário.

Volatilidade

Enquanto os tradicionais estão fortemente suscetíveis às volatilidades do mercado, os investimentos alternativos têm baixa correlação com as classes de ativos tradicionais. Isso quer dizer que seus retornos podem não se mover em sincronia com o mercado. Assim, há grandes chances de oferecer proteção adicional e contribuir para a diversificação de investimentos.

Acesso e regulamentação

Os investimentos tradicionais são mais acessíveis aos investidores em geral e estão sujeitos a regulamentações estabelecidas há muito tempo. Os alternativos, por outro lado, têm requisitos de investimento mínimo mais elevados e, muitas vezes, estão disponíveis apenas para investidores credenciados ou institucionais.

Além disso, eles podem estar sujeitos a regulamentações mais complexas e específicas, o que exige um maior nível de conhecimento e experiência.

📰 Leia também:

Investidor profissional: o que você precisa para se tornar um

Tipos de investimentos alternativos

Existem diversos tipos de investimentos alternativos, cada um com suas próprias características. Conheça alguns dos principais:

Fundos de Hedge

Os fundos de hedge são fundos de investimento privados que buscam retornos absolutos, independentemente das condições do mercado. Eles apresentam maior flexibilidade em comparação com os tradicionais, podendo adotar estratégias mais complexas como alavancagem. Em geral, são acessíveis apenas para investidores credenciados e têm requisitos mínimos altos.

Private Equity

Private equity é uma forma de investimento em empresas que não estão publicamente negociadas. Neste caso, os investidores adquirem participação em instituições privadas, com objetivo de ter retornos significativos ao longo do tempo.

Esses fundos costumam investir em empresas em estágios iniciais de desenvolvimento (no modelo venture capital). Contudo, também podem aportar nas mais maduras que precisam de capital para crescer mais ou se reestruturar.

Commodities

Investimentos em commodities envolvem a negociação de matérias-primas físicas, como ouro, petróleo, gás natural, metais preciosos, grãos, entre outros. Os investidores podem comprar contratos futuros, opções ou fundos que acompanham o seu desempenho.

Investimentos alternativos: commodities

Colecionáveis

A opção de investir em obras de arte, vinhos, carros e outros itens colecionáveis também é considerada uma das formas de investimento alternativo. Esses ativos podem valorizar ao longo do tempo e oferecer retornos bastante atrativos, mas merecem bastante cuidado, pois são altamente dependentes das tendências de mercado e, em geral, exigem conhecimento especializado.

Vantagens dos investimentos alternativos

As principais vantagens dos investimentos alternativos em relação aos tradicionais são:

Diversificação

A possibilidade de diversificar com os investimentos alternativos é bem maior, já que os convencionais se reduzem a poucas variedades. Portanto, essa é uma estratégia muito importante para gerenciar os riscos e proteger a carteira contra a volatilidade do mercado.

Proteção contra a volatilidade do mercado

Muitos dos investimentos alternativos têm baixa correlação com as classes de ativos convencionais. Seus retornos, comumente, não se movem em sincronia com o mercado. Isso significa que, em momentos de turbulência, eles podem agir como amortecedores, ajudando a mitigar as perdas e preservar o valor da carteira.

Maior potencial de retorno

De maneira geral, os investimentos alternativos oferecem potencial de retorno mais alto do que os tradicionais. Isso acontece, porque as classes de ativos contempladas, de natureza menos convencional, podem gerar oportunidades únicas de lucro.

Inovação e crescimento

Os investimentos alternativos estão frequentemente associados a setores inovadores e em desenvolvimento, como tecnologia, energia renovável e saúde. Ao aplicar nessas áreas, portanto, os investidores podem participar de tendências disruptivas e se beneficiar do potencial de crescimento delas a longo prazo.

Riscos dos investimentos alternativos

Embora as vantagens dos investimentos alternativos sejam muito atrativas, elas não vêm desacompanhadas de riscos, que, certamente, devem ser colocados na balança. Os principais são os seguintes:

Liquidez limitada

Como dito anteriormente, muitos dos investimentos alternativos têm liquidez limitada, o que faz com que seja mais difícil convertê-los em dinheiro rapidamente. As restrições de resgate antecipado resultam em falta de acesso imediato aos recursos em casos de emergência. Por isso, podem não ser adequados para determinados perfis de investidores.

Riscos de desempenho

Os investimentos alternativos podem apresentar um risco maior de desempenho abaixo do esperado. Por exemplo, aplicações em startups e empresas emergentes têm grandes chances de dar errado, porque poucas empresas acabam vingando. Além disso, estratégias de investimento complexas, como alavancagem e arbitragem, podem resultar em perdas significativas caso as previsões não sejam bem sucedidas.

📰 Leia mais:

Gostou deste conteúdo? O mundo dos investimentos é realmente bastante interessante e promissor, desde que seja bem analisado e compreendido por aqueles que querem participar dele. Você já pensou que, muito além de investir individualmente, você pode construir uma carreira sólida na área? Entenda mais sobre o assunto em nosso artigo sobre como trabalhar no mercado financeiro.

Veja mais

Aprenda a contornar objeções em assessoria financeira. Descubra estratégias eficientes para lidar com clientes, prospects e leads. Alcance a alta performance com o MELVER Pro.
Aprenda a fazer prospecção ativa na assessoria financeira. Encontre leads qualificados e conduza-os pela jornada de vendas. Conheça as melhores estratégias com o MELVER Pro.
Conheça técnicas eficazes para captar clientes na assessoria financeira. Descubra como abordar, engajar e converter leads em clientes satisfeitos. Aperfeiçoe suas habilidades com o MELVER Pro.