Como funciona o Pix?

O Pix é uma forma de pagamento instantâneo que permite transferir dinheiro ou pagar contas em segundos usando o celular. Você só precisa ter uma conta em uma instituição financeira e cadastrar uma chave Pix. Saiba agora o essencial sobre esse serviço.

Escrito por

Compartilhe:

O Pix é uma forma de pagamento instantâneo que permite transferir dinheiro ou pagar contas em segundos, a qualquer hora e dia da semana, usando apenas o celular. Ele foi criado pelo Banco Central para facilitar a vida das pessoas e das empresas, tornando as transações financeiras mais rápidas, seguras e baratas. Nesse artigo, você aprenderá como funciona o Pix.

Acompanhe este artigo para aprender: 

  • como funciona o Pix na prática;  
  • quais são as vantagens de usar esse sistema;  
  • como fazer um Pix; 
  • com quem é possível fazer um Pix.  

Essas são algumas das perguntas que vamos responder neste texto. Acompanhe! 

O que é necessário para usar o Pix? 

Celular com logo do pix

Para usar o Pix, você precisa ter uma conta em uma instituição financeira (banco, cooperativa ou fintech) que ofereça esse serviço. Além disso, você também precisa cadastrar uma chave Pix, que é um dado que identifica a sua conta, como CPF, CNPJ, e-mail ou número de celular. 

Você pode cadastrar até cinco chaves por conta se for pessoa física ou até 20 chaves por conta se for empresa. No entanto, você também pode escolher não ter nenhuma chave e informar os dados da sua conta na hora de fazer um Pix. 

Entretanto, você precisa ter acesso ao aplicativo ou ao internet banking da sua instituição financeira para realizar as operações com o Pix. 

Como fazer um Pix? 

Existem duas formas principais de fazer um Pix: por meio de QR Code ou por meio da chave Pix. 

Primeiro, o QR Code, que é um código de barras que pode ser lido pela câmera do celular. Além disso, ele contém as informações da conta de destino do dinheiro. Portanto, para fazer um Pix por QR Code, basta abrir o aplicativo da sua instituição financeira, escolher a opção Pix e apontar a câmera para o código. Finalmente, é só confirmar os dados e autorizar a transação. 

Em segundo lugar, a chave Pix que é um dado que substitui os dados bancários na hora de fazer uma transferência ou pagamento. Portanto, para fazer um Pix por chave Pix, basta abrir o aplicativo da sua instituição financeira, escolher a opção Pix e digitar ou selecionar a chave do destinatário (CPF, CNPJ, e-mail ou número de celular). Por fim, é só confirmar os dados e autorizar a transação. 

Com quem é possível fazer um Pix? 

O Banco Central disponibiliza uma relação extensa do uso do Pix. Vejamos algumas possibilidades: 

  • transferências entre pessoas; 
  • pagamentos em estabelecimentos comerciais (lojas físicas e comércio eletrônico); 
  • saques em estabelecimentos comerciais com o Pix saque e o Pix troco; 
  • pagamentos de prestadores de serviços; 
  • pagamento entre empresas; 
  • pagamento de cobranças;  
  • recolhimento de receitas de Órgãos Públicos Federais como taxas, aluguéis de imóveis públicos, serviços administrativos e educacionais, multas, entre outros; 
  • pagamento de faturas de serviços públicos (abastecimento de água, telefone celular, internet, TV a cabo, telefone fixo); 
  • recolhimento de contribuições do FGTS e da Contribuição Social. 

Quais são as vantagens do Pix? 

O Pix tem várias vantagens em relação aos outros meios de pagamento existentes no mercado. Veja algumas delas: 

  • Rapidez – o dinheiro cai na conta do destinatário em até 10 segundos após a confirmação da operação, ou seja, é praticamente instantâneo; 
  • Disponibilidade – o serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, ou seja, inclusive nos domingos e feriados; 
  • Segurança – o sistema usa criptografia e autenticação para proteger os dados dos usuários e evitar fraudes; 
  • Economia – não há custo do serviço para pessoas físicas e microempreendedores individuais (MEIs). As instituições financeiras podem cobrar tarifas dos demais usuários (pessoas jurídicas), mas elas devem ser menores do que as cobradas pelo TED e pelo DOC; 
  • Praticidade – o usuário não precisa informar ou digitar vários dados bancários para fazer uma operação. Ou seja, basta usar o QR Code ou a chave Pix; 
  • Inclusão – o serviço permite que mais pessoas tenham acesso aos serviços financeiros digitais sem depender de cartões ou dinheiro em espécie. 

A revolução do Sistema Financeiro Nacional 

O Pix é uma revolução no sistema financeiro nacional (SFN) brasileiro que veio para facilitar a vida das pessoas e das empresas. Ou seja, com ele você pode transferir dinheiro ou pagar contas em segundos usando apenas o celular. 

Agora que você já sabe como funciona o Pix, aproveite esse recurso para facilitar as suas transações financeiras. O Pix é um serviço seguro e confiável que está mudando a forma de pagar e receber no Brasil. 

📰 Saiba mais:

Como criar um Pix?

O Pix é seguro?

Como cancelar um pix errado?

Gostou do artigo? Então, compartilhe com os seus amigos nas redes sociais e não deixe de comentar. Se você tiver alguma dúvida sobre o Pix ou sobre o mercado financeiro, entre em contato com a gente. A MELVER também funciona 7 dias por semana! 

Veja mais

Aprenda a contornar objeções em assessoria financeira. Descubra estratégias eficientes para lidar com clientes, prospects e leads. Alcance a alta performance com o MELVER Pro.
Aprenda a fazer prospecção ativa na assessoria financeira. Encontre leads qualificados e conduza-os pela jornada de vendas. Conheça as melhores estratégias com o MELVER Pro.
Conheça técnicas eficazes para captar clientes na assessoria financeira. Descubra como abordar, engajar e converter leads em clientes satisfeitos. Aperfeiçoe suas habilidades com o MELVER Pro.